Manifesto do Conferp pela Democracia

2 de junho de 2020

A sociedade é composta por pessoas, indivíduos que possuem opiniões próprias e muitas vezes divergentes dos demais. Da mesma forma ocorre com as organizações, que são geridas por indivíduos, logo tendem a seguir conceitos e ideias construídas dentro de uma cultura própria e contextual. Duas partes de um todo que precisam conviver com suas possíveis diferenças, mantendo o respeito e a colaboração mútua para um melhor desenvolvimento econômico e social.

A relevância da atividade de relações públicas surge da necessidade do diálogo e da harmonia nas relações entre as partes, das organizações e a sociedade, condição que só é possível quando há espírito de democracia. Pois a atuação profissional, pautada em princípios éticos, se desenvolve na gestão e na prevenção de crises e de conflitos de interesses, que podem ocorrer das diferenças ideológicas e contextuais de ambos os lados. Para tanto, o profissional de relações públicas é preparado para dispor de alteridade e empatia para gerenciar não somente a comunicação organizacional de maneira mais adequada, mas também para conscientizar e orientar os dirigentes das organizações a zelarem pelo valor social de suas ações.

Enquanto órgão máximo de representação da atividade profissional de relações públicas no Brasil, o Sistema Conferp-Conrerps se posiciona contra qualquer tipo de ditadura ou ato que possa ferir os ideais democráticos. Para tanto, defende a liberdade de expressão do indivíduo e dos profissionais de comunicação como princípio fundamental para uma sociedade mais justa e igualitária. Também é a favor do direito à informação e da transparência para todos os públicos.

A sociedade brasileira, em sua beleza e imensidão, caracteriza-se pela diversidade e pela pluralidade de ideias, o que é extremamente positivo para o desenvolvimento ascendente das relações públicas. Atuar em prol dos Direitos Humanos, sem esquecer dos deveres individuais do cidadão para constituição de uma sociedade mais íntegra e justa. Com a compreensão de que todo e qualquer tipo de discriminação social atenta contra a democracia.

Estamos convictos de que as Relações Públicas podem contribuir significativamente com a sociedade brasileira, e temos este compromisso e responsabilidade com o nosso País. Atuaremos, portanto, na garantia do direito à liberdade de expressão, contra qualquer tipo de discriminação social e a favor da transparência nas relações e da democracia.

Manifesto do Conferp pela democracia

Fonte: http://conferp.org.br/noticia/manifesto-pela-democracia/